Albardas e Alforges... nunca vi nada assim! Minto... já vi!
Terça-feira, 20 de Dezembro de 2011
Emigrar!!

Eu creio, pelas palavras e atitudes de quem agora nos governa, que o Alexandre Herculano, o Rodrigues de Freitas, o Oliveira Martins, o Basílio Teles, até o Afonso Costa, o Anselmo de Andrade, o Ezequiel de Campos e tantos outros que escreveram sobre a emigração  e a torpeza de quem nos governava, deviam ser uns ignorantes e estiveram profundamente enganados a propósito do que escreveram! Por favor, haja paciência, se já é difícil perceber um político que anuncia o empobrecimento, ouvi-lo dizer para irmos embora... o que é que teremos que fazer?

Pergunto ao governo e aos seus mancomunados se já constituiram a empresa (isso pode ser empreendedorismo!) e a rede de engajadores?!!

É isto que nos querem obrigar a retomar!

 

 



publicado por albardeiro às 01:25
link do post | comentar | favorito
|

PORTUGAL CONTEMPORÂNEO

PIREM-SE!!

Todos os portugueses têm o direito a viver e desenvolver a sua actividade em Portugal. Trata-se de um direito inalienável, este direito de cidadania. Podemos emigrar, mas no estrangeiro não somos cidadãos nacionais, somos residentes, com um estatuto de menoridade relativamente à população nacional.
Não fica bem, portanto, ao primeiro-ministro, sugerir a quem quer que seja que se pire daqui para fora, quaisquer que sejam as razões. Pelo contrário, os líderes nacionais devem manifestar desconforto com os níveis de emigração que atingimos.
Relativamente aos professores é necessário analisar o problema em duas vertentes:

  1. No mundo actual a formação académica não corresponde necessariamente a uma determinada carreira profissional. Um professor de português pode vir a trabalhar numa editora, por exemplo, ou um de matemática pode vir a trabalhar no controle de qualidade de uma têxtil.
  2. Não faz sentido que os quadros das escolas públicas estejam completamente fechados para os jovens. Tem de haver renovação, os professores menos competentes devem dar o lugar aos jovens e procurar outras actividades para que tenham mais jeito.


Ao sugerir a "porta da rua" aos jovens professores sem colocação, PPC revela grande insensibilidade e incapacidade para mudar o que realmente está mal.



publicado por albardeiro às 00:49
link do post | comentar | favorito
|

Oa Passos que temos e os passos que nos dizem para "dar"!!
PPCoelho é um aluno marrão nas aulas da Chanceleira Markl, mas foi um aluno medíocre no seu percurso académico. Pior, muito pior do que o engenhocas. Leiam e não esqueçam. E parabéns aos totós que com o seu voto puseram este génio a governar Portugal:
Data de nascimento: 24 de Julho de 1964 Formação Académica: Licenciatura em Economia – Universidade Lusíada (concluída em 2001, com 37 anos de idade
) Percurso profissional: Até 2004, apenas actividade partidária na JSD e PSD; a partir de 2004 (com 40 anos de idade) passou a desempenhar vários cargos em empresas do amigo e companheiro de Partido, Engº Ângelo Correia, de quem foi diligente e dedicado ‘moço-de-fretes’, tais como: (2007-2009) Administrador Executivo da Fomentinvest, SGPS, SA; (2007-2009) Presidente da HLC Tejo,SA; (2007-2009) Administrador Executivo da Fomentinvest; (2007-2009) Administrador Não Executivo da Ecoambiente,SA; (2005-2009) Presidente da Ribtejo, SA; (2005-2007) Administrador Não Executivo da Tecnidata SGPS; (2005-2007) Administrador Não Executivo da Adtech, SA; (2004-2006) Director Financeiro da Fomentinvest,SGPS,SA; (2004-2009) Administrador Delegado da Tejo Ambiente, SA; (2004-2006) Administrador Financeiro da HLC Tejo,SA. Este é o “magnífico” CV do homem que ‘teoricamente’ governa este País! Um homem que nunca soube o que era trabalhar até aos 37 anos de idade! Um homem que, mesmo sem ocupação profissional, só conseguiu terminar a Licenciatura (numa Universidade privada…) com 37 anos de idade! Mais: um homem que, mesmo sem experiência de vida e de trabalho, conseguiu logo obter emprego como ADMINISTRADOR… em empresas de Ângelo Correia, “barão” do PSD e seu tutor e patrão político!... Enfim. Nada de favores nem de compadrios na vida deste trabalhador incansável. Um homem que chegou onde chegou por mérito - muito mérito, não haja dúvida! O mesmo que secunda quem manda os jovens emigrar e que toma mesmo a palavra para bolsar idêntico conselho aos professores
.

Instante Fatal (http://instantefatal.blogspot.com/2011/12/o-taximetro-de-passos-coelho.html)



publicado por albardeiro às 00:35
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 10 de Dezembro de 2011
LÁGRIMAS DE CROCODILO

Já vi governantes e chefes de Estado chorarem perante cataclismos naturais ou brutais atentados cuja dimensão os reduz – nos reduz a todos – à simples condição humana. São lágrimas verdadeiras de quem, demasiado sincero ou impotente, não consegue deixar de expressar sentimentos que normalmente são compartilhados por toda uma nação em genuíno sofrimento. Merecem, por isso, todo a nossa solidariedade e respeito. Mas também já vi encenações grotescas de políticos cujos atos de contrição soam tão falso como os disfarces e enredos com que pretendem mascarar as suas reais intenções.

Como interpretar, então, a comoção da Ministra dos Assuntos Sociais de Itália, Elsa Fornero, quando, no passado domingo (4 de Dezembro de 2011), chorou ao anunciar as medidas de austeridade impostas ao país pelo governo de que faz parte? Insegurança de principiante? Não é o caso. Elsa Fornero tem 63 anos, é economista e professora catedrática de Economia Política na Universidade de Piemonte, em Turim, e Fundadora do Centro de Investigação de Pensões e Políticas Sociais, com vasta produção teórica sobre sistemas de segurança social e fundos de pensões. Integrando, desde Novembro, o governo tecnocrata e neoliberal de Mario Monti – espécie de comissário do Banco Central Europeu em Itália –, a ministra foi incapaz de anunciar os sacrifícios inerentes à revisão das reformas, ao congelamento de pensões e à consequente redução de rendimentos para muitos reformados.

Ora, das duas uma. Se para a dita senhora o pacote de austeridade do senador Monti – personagem que, entre outros atributos, é presidente europeu da Comissão Trilateral, o grupo fundado por David Rockefeller em 1973, e consultor internacional de empresas como a Goldman Sachs ou a Coca-Cola – é de tal maneira draconiano e injusto que lhe causa tamanha repulsa e merece tão sentida rejeição, então não se percebe porque aceitou integrar semelhante executivo, até porque é difícil de acreditar que houvesse um desconhecimento da sua parte relativamente à orientação política seguida e ao tipo e profundidade de medidas que seriam implementadas.

Se, pelo contrário, se trata de uma farsa, do fingimento de uma emoção, daquilo que se convencionou denominar “lágrimas de crocodilo” – e que, de facto, estes animais derramam quando estão a comer as suas vítimas, por efeito da compressão das glândulas lacrimais pelos movimentos das mandíbulas –, então a indução fraudulenta da pena e da compaixão, ainda para mais junto daqueles que irão sofrer os efeitos das ações anunciadas, é uma estratégia indecorosa do mais baixo marketing político … e expressão da mais abjeta conduta humana.

 

 

Hugo Fernandez



publicado por albardeiro às 17:16
link do post | comentar | favorito
|

pesquisar
 
Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

EUROPA

ECONOMIA POLÍTICA

A MENTIRA

ELEIÇÕES

TIROS NO PORTA-AVIÕES

A NOVA ORDEM

INFORMAÇÃO

ERA UMA VEZ

ILUSÃO FATAL

A LIÇÃO

arquivos

Setembro 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Janeiro 2016

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds